sábado, 12 de maio de 2012

[012] Ônibus

Ônibus lotado é um inferno, todos concordam. Depois de um dia super exaustivo na faculdade, com dois livros irmãos da bíblia na mochila, eu só queria sentar, mas não havia lugar.
Estava irritado e pensei: "Por que não?" e vi que nunca tinha sentado no chão do ônibus. Sim, no chão. Todo mundo ficou me olhando, achando estranho, mas eu não atrapalhava ninguém: ocupava o espaço que ocuparia em pé. Depois de mim, uma menina sentou, a amiga sentou do lado, depois mais um rapaz e outra garota. E, assim, nós cinco fomos pra casa.

3 comentários:

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

eu assento em preferenciais ... kkkkkkkkkkkkkkkkk

Anônimo disse...

No chão eu nunca sentei, o máximo é me acomodar naquela desconfortável escadinha, faço só quando não estou aguentando mais, ou quando o coletivo está cheio e fico com medo de virar recheio de um sanduíche onde o pão será uma pessoa de cheiro duvidoso. Mas a verdade é que detesto andar de ônibus. (D.H.)

Júlio César Vanelis disse...

Cara, seu blog tá sendo mais que um simples blog. Tá sendo supimpa, porque vc está fazendo coisas que talvez antes não faria... É como se o blog e suas novas experiencias trocassem uma ideia! Muito legal!

Eu faria o mesmo que você, não vejo nada de errado em sentar no chão do ônibus. Já sentei em outros chões. O problema no meu caso é que eu ocuparia um espaço maior do que se estivesse em pé... hahaahahahahahahahhahahahahahah

Um abraço, parabéns pelo blog! :D
Até